Anúncios

 

A vigilância sanitária do estado e também de Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá, interditaram o do município após uma forte chuva ter alagado a unidade de saúde.

Reprodução

A interdição é válida para casos de urgência e emergência por conta de problemas estruturais que vêm ocorrendo desde agosto. O setor administrativo também foi interditado, bem como para os centros cirúrgicos.

A direção tem prazo de 24 horas para apresentar um plano de ação.

Reprodução

Representante do esteve no hospital e encaminhou o coordenador técnico de manutenção para prestar esclarecimentos.

É a terceira vez, de agosto para setembro, que o sofre com infiltração. A primeira foi no dia 5 de agosto. Inclusive, vídeos foram registrados pelos funcionários que levaram ao conhecimento do Estadual (MPE).

Outro lado

Em nota, a diretoria do Hospital Regional informou que as telhas novas para cobrir toda a unidade hospitalar chegaram na manhã desta sexta-feira. Será feita uma força-tarefa durante todo o final de semana para instalar as telhas.

O centro cirúrgico está funcionando em duas salas, para cirurgias de urgência e emergência. Uma sala nova esterilizada foi aberta para os pacientes de pós-operatório para evitar contaminação por conta da umidade.