Anúncios

Uma cobra com mais de dois metros de comprimento foi encontrada no último domingo (23), no , em . O animal estava em uma área comumente utilizada por populares que fazem caminhada na área. Depois de ser pega, a Jiboia foi devolvida a uma região de mata distante dos pontos por onde passam os pedestres.

Reprodução

A assessoria de imprensa da Secretaria de Meio Ambiente () confirmou que o animal foi pego no último domingo. A Jiboia tinha mais de dois metros, foi recolhida e devolvida à mata em locais menos visíveis.

A Sema ainda ressaltou que por se tratar de uma Unidade de Conservação de proteção integral é comum que animais silvestres sejam avistados.

A pasta ainda informou que “estamos um período em que, por exemplo, é comum que as pessoas vejam iguanas cruzando a pista de caminhada. Elas ficam ali para se aquecer, pois estão em período reprodutivo. Portanto, a Sema orienta que ao avistar um animal na pista, a pessoa mude a rota e não perturbe o animal”.

Caso alguma pessoa encontre um animal que possa apresentar qualquer tipo de risco, como cobras, a orientação é se afastar e avisar a gerência do parque para que seja feita a remoção para um local menos visível.