Anúncios

O adolescente W.A.C., 15, morreu na noite de quarta-feira (06) no Hospital e Pronto-Socorro Municipal de (HPSMC) depois de ficar três dias internado na unidade após levar um tiro na cabeça quando brincava de roleta russa, em uma propriedade rural no município de Santo Antônio do Leverger (27 km de Cuiabá-MT).

De acordo com o boletim de ocorrências, os investigadores foram acionados pela equipe do HPSMC para a retirada de um corpo de um adolescente que veio a óbito após o estado clínico ficar grave e o mesmo não resistir a um disparo de arma de fogo que foi realizado em sua cabeça.

Em conversa com familiares do adolescente, os investigadores da Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP) foram informados que a vítima estaria na Nova Era no domingo (03) na companhia de uma pessoa de nome Rafael que portava uma arma de fogo.

Após certo tempo, os familiares ouviram o barulho de um disparo de arma de fogo, e ao se aproximarem constaram que o adolescente havia sido alvejado na cabeça. Rafael relatou aos familiares que a dupla estaria brincando de roleta russa quando aconteceu o disparo.

A DHPP registrou a ocorrência na quinta-feira e investiga o caso.

Roleta-russa é um perigoso jogo de azar que pode levar a morte de seus participantes. Os jogadores devem colocar apenas uma bala no “tambor” do revólver e girá-lo, apontando a arma para a cabeça e apertando o gatilho da arma.

O objetivo do jogo é ver quem tem a sorte de não ser atingido pela bala. Para isso, os participantes giram diversas vezes o “tambor” do revólver, na esperança de que a bala não esteja na câmara engatilhada.

Até a década de 1990, este “jogo” era chamado de Roleta Soviética.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.