Anúncios

O tio que estuprou e dilacerou a genitália da sobrinha, de 6 anos, foi preso em ação conjunta entre as polícias Militar e Civil, na tarde desta segunda-feira (7). Identificado como G.M., “Neguinho”, estava foragido após abandonar a em uma mata por achar que ela estava morta

O momento da prisão foi gravado por outro familiar da vítima, que agradeceu os policiais pela ação.

O estuprador será ouvido pelo delegado Cláudio Álvares de Santana, da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, da Criança e do Idoso, de – que está à frente do caso.

O crime aconteceu no sábado (5), quando havia uma festa na casa da vítima. Conforme a polícia, o homem usou um pedaço de madeira para abusar sexualmente da vítima.

Conforme denunciado, a menina foi estuprada e deixada em um matagal após desmaiar. O agressor teria pensado que ela estava morta. Ela acordou e conseguiu ir até a casa pedir ajuda, quando relatou que teria sido o tio quem a estuprou

A vítima foi levada inicialmente para o Hospital Universitário Júlio Müller, porém, foi transferida imediatamente ao Pronto-Socorro devido à gravidade dos ferimentos.

Ainda conforme a , os médicos explicaram que ela deve retornar para o Hospital Júlio Muller, onde ficará internada até se recuperar da cirurgia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.