Anúncios

Pelo menos 76 pessoas morreram e 143 ficaram feridas, esta quarta-feira, na sequência das tempestades de areia que atingiram os estados de Rajasthan e Uttar Pradesh, no norte da , avança a BBC.

As tempestades de areia provocaram o colapso de casas, queda de árvores e quebras de eletricidade. Muitas das pessoas que morreram estavam a dormir quando as suas casas colapsaram, depois de serem atingidas por sequências intensas de relâmpagos.

Segundo a emissora britânica, as tempestades de areia são comuns nesta parte da Índia durante o mas o número de vítimas mortais nesta escala não é habitual. “Nos meus 20 anos de trabalho, esta é a pior tempestade que já vi“, afirma à BBC Hemant Gera, secretário da gestão de desastres de Rajasthan.

As tempestades atingiram três distritos deste estado – Alwar, Bharatpur and Dholpur – onde pelo menos 31 pessoas morreram. Alwar terá sido uma das mais afetadas, de acordo com as autoridades, e as escolas do distrito já foram encerradas.

No estado de Uttar Pradesh, morreram pelo menos 45 pessoas, 36 das quais em Agra, onde se encontra o monumento mais famoso do país, o Taj Mahal.

As autoridades acreditam que o número de mortes pode subir nas próximas horas. O Governo indiano já anunciou que as famílias das vítimas vão receber 400 mil rupias, cerca de cinco mil euros, de compensação.

A tempestade de areia também atingiu a capital indiana, Deli, a mais de 100 quilómetros de distância, juntamente com fortes chuvas no final da noite desta quarta-feira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.