Anúncios

A paralisação dos médicos do de , a 218 km de , completou 12 dias, nesta sexta-feira (4). Os alegam que estão sem receber os salários desde o início deste ano.

Hospital Regional de Rondonópolis (MT) (Foto: Lucas Ninno/Gcom-MT)

A Secretaria Estadual de (SES-MT), por outro lado, garante que os pagamentos têm sido feitos em dia.
Os atendimentos já prejudicou as cirurgias eletivas e os serviços ambulatoriais. Esses serviços estão sendo remarcados pelo Escritório Regional.

Apenas casos de urgência e emergência estão sendo atendidos.

A unidade recebe, em média, 4,3 mil pacientes por mês e atende 19 municípios da região sul e sudeste do estado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.