Anúncios

Uma mulher foi assassinada a facadas na madrugada desta quarta-feira (16) no Bairro Ikaraí, em , região metropolitana de Cuiabá.

Segundo a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) testemunhas disseram que o crime foi cometido pelo marido da vítima, que discutia com ela momentos antes do crime.

Mulher foi assassinada pelo marido no Bairro Jardim Ikaraí, em Várzea Grande (Foto: Centro América)

A vítima, identificada como Célia Regina Magalhães, de 50 anos, foi esfaqueada e morta na quitinete onde ela morava com o companheiro. O casal morava há 40 dias nesse imóvel, que era alugado.

Os vizinhos e o proprietário do imóvel relataram que Regina e o marido discutiam com frequência e sempre brigavam no local.

A última briga teria começado por volta de 19h de terça-feira (15) (horário de ). Uma pessoa chegou a ligar para o dono do imóvel e comentado que o casal estava discutindo.
“Ao que tudo indica é mais um feminicídio em Várzea Grande. A vítima foi morta a facadas, todas pela parte frontal do corpo. A informação que temos dos moradores é que o casal estava há poucos dias e que as brigas eram constantes”, disse à TV Centro América a delegada da DHPP, Juliana Chiquito Palhares.

Depois de esfaquear a mulher, o suspeito fugiu do local. Até a manhã desta quarta-feira ele não havia sido preso.

A DHPP investiga o caso e tenta identificar se a vítima já tinha registrado boletins de ocorrência ou tinha alguma medida protetiva contra o marido.

O corpo de Célia foi encaminhado ao Instituto Legal (IML) de Cuiabá.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.