Rafael Duarte Chaider, 33 anos e Wilson Correa Soares, 34 anos, morreram depois de ingerir etanol misturado com leite. O fato, que aconteceu na sexta-feira (25), foi registrado pela Polícia Judiciária Civil (PJC) na cidade de Nobres (151 quilômetros de Cuiabá). Rafael foi a óbito no mesmo dia, enquanto que Wilson não resistiu e morreu no domingo (27).

Testemunhas informaram a Polícia Civil que os homens que estavam prestando serviço em uma fazenda no município e resolveram fazer uma bebida caseira com etanol e leite. Rafael foi encontrado morto no mesmo dia, na sede da Fazenda Santa Rosa. Ele estava sem roupas.

A mãe de Wilson afirmou que o filho trabalhou na fazenda por quatro dias e no quinto foi embora alegando que estava sentindo muitas dores no estômago. Disse ainda que quando o homem voltou da fazenda ainda estava falando, mas não quis contar o quer aconteceu. Ele aguardava vaga em Cuiabá.

A mãe contou que ouviu boatos na cidade que o filho foi envenenado. Por enquanto, a polícia afirma que não há informação de que Wilson tenha ingerido etanol com leite. Mas a hipótese não está descartada. Em ambos foi requisitada necropsia que irá apontar a causa da morte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.