Anúncios

O corpo do ex-deputado estadual Hermínio Jota Barreto (PR), de 69 anos, que morreu em um acidente nessa quarta (9) na BR-364, em , a 145 km de , é velado na manhã desta quinta-feira (10) na Câmara de Vereadores de Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá.

No acidente, que envolveu 12 veículos, testemunhas disseram que uma carreta invadiu a pista contrária, perdeu o controle e bateu nos demais automóveis, inclusive o do deputado.

Além do ex-parlamentar, o motorista que dirigia o Renegade em que ele estava morreu e outras três vítimas ficaram feridas. O motorista que morreu era Ailton Pereira, conhecido como Ita, cunhado do ex-deputado. Barreto e Ita voltavam de uma visita à .

De acordo com testemunhas, o trecho estava interditado parcialmente por causa de um caminhão quebrado na rodovia. O motorista de uma carreta invadiu a pista contrária e perdeu o controle, atingindo os outros.

Em nota, a Câmara de Vereadores de Rondonópolis disse que recebeu a notícia com muita tristeza. “Em luto apresentamos as nossas condolências à família e aos amigos e que todos ao lado de Deus superem esse momento de tristeza, dor e provação”, diz trecho da nota enviada à imprensa.

O sepultamento está previsto para as 17h no cemitério da Vila Aurora, em Rondonópolis. Por causa do acidente, o trecho ficou interditado por cerca de 8 horas, até que todo o material espalhado pela pista fosse retirado. O veículo em que o ex-deputado estava ficou destruído.

O governo de Mato Grosso e o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), também lamentaram a morte do ex-deputado. Jota Barreto morava em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá, e ingressou na política como vereador desse município. No final da década de 80, foi eleito prefeito da cidade e permaneceu na função por quatro anos. Voltou ao Legislativo municipal anos depois, até que assumiu vaga na , em 2010. O mandato foi até 2014.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.