Anúncios

Um rapaz, A. P. S. de 18 anos, indiciado por estupro, foi preso na manhã deste domingo (22) pela equipe da (Derf) de . Os investigadores chegaram até o suspeito após vários dias de apuração dos fatos. Ele foi indiciado pelo crime de roubo e estupro de pelo menos duas vítimas em Sinop.

Na casa do acusado, na rua 9 do bairro , a Polícia apreendeu a moto usada nas ações. Em uma delas, uma mulher de 50 anos foi vítima de roubo e estupro. Ele nega as acusações e disse aos policiais que apenas ficou com uma das vítimas

Em uma das ações, uma vítima foi obrigada a acompanhar o acusado até uma área de mata próximo ao Cemitério municipal e ameaçava dar um tiro na cabeça dela. Após o ato, ele disse para não denunciar se não ele a mataria

O indiciado nega ter cometido o estupro.  “No dia lá do caso, nóis chegou numa festa, ela é segurança lá, revista as muié. Olhou pra mim, conversei com ela, ela falou não, tô trabalhando na saída nóis conversa. Ai fiquei curtindo a festa, na saída nóis se cumprimento bejei até o rosto dela. Ai a gente veio vindo conversando e falei ai não rola nada entre nóis. Ela pegou e falou não, aqui? Ai falei não vamo ino subindo. Ai nóis achou um lugar lá e nóis fico.  E agora ela que acusar agora de roubo e estrupo (sic)”, disse o acusado.

Os investigadores conseguiram chegar ao indiciado após ele enviar mensagens para a vítima, pois no dia do estupro ele teve a audácia de pegar o numero do e enviar mensagens no aplicativo WhatsApp.

A Polícia Civil orienta outras possíveis vítimas a procurar a delegacia para reconhecimento do autor dos crimes. O indiciado segue preso na delegacia e deve ser levado ao Presídio Osvaldo Florentino Leite Ferreira, o Ferrugem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.