Anúncios

A identificou a grávida de gêmeos que teve o corpo carbonizado em um “Eco Ponto” em Tangará da Serra, a 242 km de , no sábado (21). Foi identificado como sendo de Franciele dos Santos Pereira de Brito, o corpo encontrado no último sábado, 21, na região da Estrada do Ararão, em Tangará da Serra.

Segundo a Perícia Oficial e Identificação Técnica (), a jovem foi assassinada por asfixia, antes de ter o corpo queimado. Quando os policiais chegaram ao local da ocorrência, no Bairro Europa, o corpo da mulher ainda estava em chamas. Nenhum suspeito foi preso até o momento.

Ninguém registrou o desaparecimento da jovem durante a semana. No entanto, após a vítima ser identificada, a polícia localizou a família dela, que afirmou não ter notado a ausência da mulher porque ela não manteria contato com os parentes.

De acordo com a Polícia Civil, familiares devem prestar depoimento a partir desta sexta-feira (27) e cuidar dos procedimentos para liberação do corpo para sepultamento. A partir dos depoimentos, a polícia espera chegar a algum suspeito de ter cometido o assassinato.

O crime

O corpo foi encontrado em um “Eco Ponto” criado pela prefeitura para receber materiais de descarte, a cerca de 2 km da cidade. A região é chamada de Estrada do Ararão. A foi acionada por um catador de lixo que viu o corpo ainda em chamas sobre um tablado de madeira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.