Anúncios

O policial civil Noraíde Manoel Morais, de 64 anos, e a sua esposa Elza Alves Manoel, de 63 anos, foram assassinados a facadas, na tarde de segunda-feira (5), no rancho onde moravam, localizado às margens do Rio Jauru, na cidade de Glória D’ Oeste (300 km a Oeste de Cuiabá).

O casal foi encontrado pelo filho de 33 anos, identificado como, A.A.M. Aos policiais, o homem disse que foi pescar, enquanto seus pais ficaram na fazenda. Ao retornar para o rancho, A.A.M, teria encontrado Noraíde com uma facada no tórax e Elza ferida no abdômen. Eles ainda respiravam, mas não conseguiram falar como aconteceu o crime.

Imediatamente, o filho do casal colocou as vítimas em um veículo e os levou até o Posto de Saúde da cidade de Porto Esperidião (325 km de Cuiabá).

No entanto, Noraíde e Elza não resistiram aos ferimentos e morreram logo após dar entrada na unidade médica.

Logo em seguida, peritos da Perícia Oficial Técnica de Identificação (Politec) foram ao local do crime para dar início aos trabalhos de investigação. O corpo de Noraíde e Elza foram encaminhados ao Instituto Legal (IML) de Cáceres, para serem realizados exames de necropsia.

Já o filho do casal, foi até a delegacia da cidade para prestar depoimento ao delegado.

Logo após o crime, policiais militares da região, saíram em rondas, mas até a publicação da matéria, ninguém havia sido identificado ou preso.

O caso será investigado pela da cidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.