Anúncios

O estudante de , Henrique da Silva Rosa, foi encontrado morto dentro de uma casa na tarde de quarta-feira (14) em Rondonópolis (218 km de Cuiabá). A suspeita é de que o jovem tenha tirado a própria vida.

Conforme informações, a morte de Henrique deixou os amigos e colegas de curso abalados. Uma amiga do jovem disse que ainda não sabe de detalhes e que todos ainda tentam compreender o que realmente aconteceu.

Na rede social Henrique fez nos últimos dias postagem com mensagens emblemáticas sobre dificuldades na vida e a saudade que tinha dos pais, que já são falecidos.  “Hoje me bateu uma saudade imensa, gostaria de um abraço, mas na impossibilidade, sigo lutando, de cabeça erguida e focar em vossos ensinamentos”, postou no último dia 03 de março.

Outra postagem de Henrique também deixou os amigos intrigados. “Sua saúde mental é mais importante que seu , seu emprego e sua conta bancária”. Na descrição, o jovem frisou que “preciso por isso em pratica”.

Na página oficial da atlética Medusa da (UFMT), campus de Rondonópolis, há uma nota em que lamenta a morte do aluno. A postagem também informa o local do sepultamento e solicita doações para que o corpo seja transladado para o interior de São Paulo, na cidade de Rubiácea.

“A atlética Medusa da , campus de Rondonópolis, lamenta profundamente o falecimento do estudante de medicina Henrique da Silva Rosa, ocorrido nesta quarta-feira (14/03/2018). O local e horário do velório e sepultamento serão informados após a decisão da família. Nesse momento de imensa dor, pedimos que Deus o receba em seus braços e conforte o coração dos familiares e amigos. Estamos tentando arrecadar o dinheiro necessário para a preparação do corpo e o translado, que vai ficar em 7 mil reais. Quem puder ajudar, estaremos passando a conta da Mai para depósito. Divulguem pra quem vcs conseguirem”, diz o grupo.

Uma amiga disse que ainda não sabe detalhes sobre a morte do rapaz e descreveu como “uma pessoa querida e um homem batalhador”. Ela afirmou que o valor da cota foi conseguido e o corpo já está a caminho do interior de São Paulo.

Amigos do estudante fizeram uma corrente de oração, via rede social, para prestar apoio a pessoas que esteja passando por momentos difíceis.

BUSCA POR APOIO

A prevenção do suicídio pode ser feita em apenas uma ligação, o (Centro de Valorização da Vida) realiza este trabalho de forma voluntária e gratuita.

Além do sigilo total, pode ser feita por diversos por telefone, e-mail, chat e Skype 24 horas todos os dias. O telefone de contato é 188.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.