Anúncios

Um vídeo, da rua lateral da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Morada do Ouro, em Cuiabá, mostra várias pessoas correndo após o tiroteio e em seguida dois veículos, em alta velocidade, deixando o hospital.

O caso foi registrado na tarde de terça-feira (13), quando o local estava lotado de pessoas em busca de atendimento médico. Três homens, armados com pistolas calibres 9mm e 380, usaram uma mulher como escudo e entraram na unidade para resgatar o detento José Edmilson Bezerra Filho, 31 anos. Ele é considerado de alta periculosidade e membro de facção criminosa.

Para evitar o resgate, os agentes penitenciários revidaram os disparos e, com isso, cinco pessoas acabaram se ferindo. Foram 14 cápsulas recolhidas na UPA e por conta do tempo de troca de tiros, os criminosos voltaram para fora da unidade hospitalar e fugiram.

Nesse momento, as câmeras da vizinhança flagraram várias pessoas correndo do local e em seguida os dois carros saindo pela lateral da UPA. Eles fazem a fuga por uma rua que não possui nenhuma casa com câmera.

A reportagem esteve na região, durante a manhã desta quarta-feira (14) e ouviu moradores que afirmaram que possivelmente a rota de fuga já havia sido estudada pelos criminosos. “Essa é a única rua que não têm camêras aqui no bairro. Por isso, eles devem ter visto isso”, disse um morador.

Veja a imagem da fuga abaixo.