Anúncios

A Secretaria de Estado de Educação de afastou a Magda Lucia Rodrigues , 45, após ela ser detida por abusar sexualmente de um aluno menor da Escola Alcebiades Calhao, localizada no bairro Quilombo, em Cuiabá. Ela ainda responderá a um Procedimento Administrativo Disciplinar já instaurado pela Seduc.

Caso seja comprovado seu envolvimento com o aluno, ela pode, inclusive, ser demitida do serviço público. A diretora teve a prisão temporária cumprida pela (Deddica), nesta quinta-feira (01).

Além do abuso contra o adolescente, a professora é acusada de promover festas e fornecer bebida alcoólica aos outros alunos. Caso seja comprovado o crime, Magda deve responder pelos crimes de estupro de vulnerável e de fornecer bebida alcoólica a menor de idade.

A denúncia que foi feita de forma anônima ainda revelou a que a diretora permitia que um dos jovens dirigisse seu carro. A prisão temporária tem cumprimento de 30 dias, mas pode ser revertida conforme a investigação do caso.