Na época três menores foram apreendidos, além de Alessandro Paulo de Oliveira e Layon Aparecido dos Santos Ossuna pela tentativa de homicídio | Foto : Messias Filho

O jovem Cristopher Almeida Ossuna, de 18 anos, que morreu na noite desta terça-feira (13), depois de colidir em uma árvore durante fuga Policial no bairro Luz D’ayara, em Rondonópolis (215 quilômetros de Cuiabá), teve participação na morte do Sargento da Policia Militar, Aloísio Freitas Cavalcante, em maio de 2016.

Segundo as informações da Polícia Militar, quando cometeu o crime, o jovem era menor de idade. Na ocasião, o sargento foi baleado no pescoço enquanto estava na calçada em frente a uma mecânica localizada na avenida João Ponce de Arruda. Na época, os criminosos atiraram duas vezes e uma das balas atingiu o policial e a outra acertou a parede do estabelecimento.

Menos de 24 horas após o crime, as forças de segurança conseguiram prender cinco pessoas acusadas de envolvimento com o homicídio. Um dos criminosos confessou a morte do sargento e durante depoimento, contou que três menores de idade tiveram participação.

Morte

Um jovem de 18 anos, identificado como Cristofer Almeida, morreu na noite desta terça-feira (13) após fugir de uma abordagem da Polícia Militar e colidir com uma árvore, no município de Rondonópolis (a 232 km de Cuiabá). A moto pilotada pelo suspeito, uma Honda XRE 300 vermelha, havia sido roubada no início de fevereiro.

De acordo com informações da polícia, por volta das 22h uma equipe da PM fazia rondas pelo bairro Vila Ype, quando visualizaram o suspeito em uma moto sem placa. Ao receber ordem de parada dos militares, o jovem acelerou a moto e iniciou fuga, sendo perseguido pelos policiais.

Em alta velocidade o suspeito continuou a fuga, fazendo ultrapassagens perigosas, e já na altura do bairro Luz D’ayara, ele tentou forçar uma ultrapassagem a uma outra moto e acabou perdendo o controle do veículo, vindo a colidir com uma árvore.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e ao chegar ao local constatou o óbito do suspeito. Os policiais verificaram que o jovem já possuía passagens por latrocínio e cárcere privado.