Anúncios
Jandir e João se reencontraram ao aguardarem atendimento oftalmológico (Foto: Christiano Antonucci/ Gcom-MT)

Os irmãos João Evangelista Filho, de 69 anos, e Jandir Evangelista da Silva, de 59, se reencontraram no domingo (25), depois de 27 anos sem se ver, quando aguardavam atendimento em um mutirão de cirurgias, em Cáceres, a 220 km de .

Jandir Evangelista mora no Pará, mas viajou a em busca de atendimento e, por coincidência, o irmão, que é de Pontes e Lacerda, a 483 km de Cuiabá, também aguardava uma consulta, de acordo com a assessoria da , projeto que oferece cirurgias oftalmológicas, que acompanhou e registrou o reencontro deles.

João soube que o irmão estaria em Cáceres, depois que já estava no local para atendimento. “Quando cheguei aqui (na caravana), a filha dele me ligou dizendo que ele estaria saindo de e que viria até Cáceres, para fazer uma cirurgia”, contou.
Os dois procuraram atendimento oftalmológico.

Eles não se viram mais depois que João se casou e se mudou para , região metropolitana de Cuiabá, e Jandir, para São Paulo. Antes disso, os dois moravam em Rondônia.

Depois de alguns anos, Jandir foi para o Pará, onde mora há cerca de 15 anos, e João, para Pontes e Lacerda.

Faltou para que pudessem viajar e se ver e o tempo foi passando.

“Ficamos felizes demais, encontrá-lo é algo que nem tinha mais certeza que iria acontecer. Nos falamos bastante e combinamos de nos ver nos próximos dias, apresentar os netos e relembrar o nosso tempo”, afirmou Jandir.

Jandir ficou sabendo da caravana pela filha que mora em Juara, a 690 km de Cuiabá, e ela entrou em contato com o tio dizendo que o pai estava indo para Cáceres. Quando chegou ao local, João procurou um voluntário, contando a história e pediu ajuda para localizar o irmão.