Anúncios

Os moradores do Bairro Jardim Ubatã, em , sofreram transtornos com a que atingiu a capital na tarde desta segunda-feira (26). As ruas, que há 15 anos sofrem com inundações após chuvas e até hoje aguardam uma solução. Na região do Cristo Rei, uma avenida também ficou alagada.

A forte chuva que atingiu a capital mato-grossense na tarde desta segunda-feira (26) veio de forma rápida e em alto volume. Alguns bairros de Cuiabá e Várzea Grande sofreram alagamentos.

No Bairro Jardim Ubatã carros altos ficavam com as rodas quase encobertas com a altura da água. Nesta região os moradores contam que já há 15 anos sofrem com alagamentos. No último dia 9 eles fizeram uma manifestação para chamar a atenção da . A rua inclusive já chegou a ser fechada por causa dos alagamentos.

Em outras regiões ruas também foram alagadas. Na Avenida Dom Orlando , na região do Cristo Rei em Várzea Grande. Através de imagens é possível ver o grande volume de água que acumulou na via.

O Olhar Direto entrou em contato com a Prefeitura de Cuiabá, que disse que ainda deve se manifestar sobre esta situação.

Veja nota oficial da Prefeitura de Cuiabá

A Secretaria Municipal de Públicas esclarece que, com o objetivo de manter o bom funcionamento do sistema pluvial da cidade, tem realizado diariamente o trabalho de limpeza e desobstrução das diversas bocas de lobo existente em todo o município. Atualmente a pasta possui duas equipes preparadas para atuarem de forma manual. Além disso, neste mês, a Secretaria realizou a contratação de dois caminhões hidrojato, no intuito de otimizar o serviço. Estima-se que Cuiabá possua aproximadamente 4 mil bocas de lobo, sendo que, de 2017 até o início de 2018, cerca de 2 mil receberam o serviço de manutenção.

A pasta destaca que, durante esse período chuvoso, tem buscado intensificar os , para evitar esse tipo de transtorno à população. Todavia, a Secretaria ressalta que, a quantidade acima do normal de águas que tem caído sobre a Capital neste ano, aliada a falta de conscientização sobre a destinação correta de lixo, tem aumentado a incidência desse tipo de caso.  Ao realizar a limpeza, por exemplo, é possível observar elevadas quantidades de lixo retiradas dos bueiros, prejudicando o escoamento eficiente da água.

No caso do bairro Jardim Ubatã, a Secretaria informa que, a partir de amanhã (27), disponibilizará uma equipe para atuar na comunidade, realizando tudo que for necessário para sanar o problema que tem afetado centenas de moradores.