Anúncios
Comboio com 5 carretas é a segunda maior apreensão de cigarros contrabandeados do país (: PRF/Divulgação)

As carretas apreendidas em do Sul quinta-feira (15) levavam R$ 12 milhões em cigrarros contrabandeados para Mato Grosso, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal. Cinco motoristas foram presos, sendo que quatro deles são reincidentes.

Conforme divulgado nesta sexta-feira (16), pela Polícia Rodoviária Federal, os policiais desconfiaram de três carretas que viajavam juntas e fizeram a abordagem na BR-060, em Sidrolândia. Ao abrirem a capota dos veículos encontraram cigarros contrabandeados do Paraguai.

Os três motoristas foram presos e logo depois outras duas carretas que pertenciam ao comboio foram abordadas em Maracaju, cidade vizinha à Sidrolândia. Um dos condutores foi preso e o outro fugiu.

Segundo a PRF, em cada carreta havia 900 caixas com cigarros, totalizando 225 mil pacotes e 2.250 mil maços. A carga total está avaliada em R$ 12 milhões.

Os motoristas presos, de 28, 29 e dois de 30 anos, já tinham sido presos pela PRF no dia 20 de janeiro, em Jaraguari, com o mesmo tipo de contrabando.

Todas as carretas e motoristas são de . Segundo declarações dos presos à polícia, toda a carga foi carregada na fronteira com o Paraguai e tinha como destino Rondonópolis (MT). Eles foram encaminhados à Polícia Federal, em Campo Grande.