Anúncios

O motorista Albena Alves de Lima, 59 anos, conhecido como Bená, morreu no fim da manhã da última terça-feira (06), na , sentido -, após o caminhão dele – que estava sendo rebocado – se desprender do outro veículo e cair em um aterro de aproximadamente dez metros de altura. A vítima ficou presa às ferragens e não resistiu.

Segundo as informações de testemunhas, o acidente aconteceu por volta das 11 horas. O veículo de carga estava sendo rebocado, quando na última curva no final da Serra de Campinápolis, o caminhão dele se desprendeu do cambão. O veículo estava desligado, o que impossibilitou a vítima de conseguir frear.

O caminhão então desceu em queda livre pela rodovia e caiu em um aterro com aproximadamente dez metros de altura.  Bená acabou preso entre as ferragens e não resistiu aos ferimentos, vindo a óbito ainda no local. Ele era o único dentro do veículo, que ficou completamente destruído.

O motorista havia mudado recentemente de para Nova Xavantina e trabalhava com caminhão fazendo frete de gado. O velório também deve acontecer no município em que ele reside. A vítima deixa esposa e três filhos.