Anúncios
Marco Antônio Barreira de Oliveira (PMDB) teve o cassado pela Justiça Eleitoral (Foto: Facebook/Reprodução)

O vereador de , a 1.125 km de , Marco Antônio Barreira de Oliveira (PMDB), teve o diploma cassado pelo Pleno do Tribunal Regional de (-MT). Segundo o órgão, em 2016, quando concorria à reeleição, o parlamentar era cunhado do então prefeito e também candidato à reeleição.

A decisão atende a um pedido do (MPE) que interpôs um recurso em desfavor do vereador.

Segundo a ação, no registro da candidatura, o parlamentar não informou que a irmã dele vivia em união estável com o prefeito.

De acordo com o TRE-MT, o grau de parentesco torna o candidato inelegível.

No processo, o vereador negou a relação entre a irmã e o então prefeito. Para os magistrados, porém, a relação ficou comprovada mediante publicações jornalísticas e em rede social.

Ainda cabe recurso da decisão.