Anúncios

O morador do bairro 1, de 45 anos, registrou um boletim de ocorrência na delegacia de informando que caiu em um de uma suposta empresa financiadora de veículo. Ele relata que entrou em contato para saber se tinha alguma promoção para terminar de pagar seu . O atendente disse que havia uma de final de ano e que para a quitação total o valor seria de R$ 2,2 mil.

O homem emprestou o dinheiro de um amigo e depositou na conta de uma suposta advogada da empresa. Posteriormente, não conseguiu mais contato com o atendente.

Os dados da conta onde o dinheiro foi depositado foram entregues as autoridades policiais para ajudar nas investigações.