Anúncios

Um homem de 34 anos, identificado como R.S.P., foi encaminhado à delegacia, na noite da última segunda-feira (29), após uma confusão dentro de uma agência do Itaú, localizada na avenida Getúlio Vargas, em . Ele teria contratado uma garota de programa e, após a relação sexual, o não teria passado. Os dois e mais uma testemunha foram até o banco, onde o acusado não conseguiu sacar o . Ele então começou a gritar, dizendo que estava sendo sequestrado pelas .

Segundo o boletim de ocorrências (BO), a vítima – que trabalha como acompanhante – disse que esta tarde fez um programa com o homem e que após a relação sexual, no momento do pagamento do serviço, ele afirmou não possuir dinheiro. Ao tentar passar o cartão de crédito, que estava em sua posse, a transação foi negada.

Sendo assim, o acusado teria dito que tinha dinheiro no banco. Desta forma, ela, uma testemunha e ele foram até a agência do Itaú, localizada na avenida Getúlio Vargas. O suspeito novamente não teve êxito em completar o pagamento e teria começado a gritar que estava sendo sequestrado pelas duas mulheres.

Depois disso, começou a ameaçá-las. Sendo assim, a foi acionada e se encaminhou até o banco. O suspeito e as vítimas foram encaminhados para a Central de Flagrantes, onde foi registrada a ocorrência. O caso é investigado pela (PJC).