Anúncios

O jovem Michael Dhefferson Borges, de 19 anos, estudante de Engenharia Civil da Universidade Federal de , que estava “desaparecido” desde a última sexta-feira (19) já foi localizado pela família. Um policial do Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC), na região do Carumbé, entrou em contato com os familiares e informou que o jovem estava preso. Ele foi detido pelo artigo 215 – Prática de ato libidinoso mediante fraude. A PRF confirmou o abuso.

A família confirmou que o jovem está preso no CRC desde sexta-feira (19). Após a divulgação do caso, um policial que trabalha no presídio entrou em contato com eles e informou que Michael estava preso. Os familiares foram para o Fórum de Cuiabá e de lá seguiram para o presídio, para encontrar o jovem. A princípio eles não sabiam o motivo pelo qual ele foi preso.

De acordo com a (PRF), na última sexta (19), por volta das 8h, uma equipe foi acionada para atender uma denúncia de estupro ocorrido dentro de um ônibus. O veículo circulava na BR-070, em Várzea Grande, quando no Km 528 foi abordado pelos policias.

A mulher, B.E.S, de 23 anos, declarou que foi tocada no seio pelo passageiro que estava sentado na poltrona atrás da que ela ocupava, passando a mão entre a janela e o assento. Contra Michael foi lavrado um Boletim de Ocorrência e ele foi encaminhado para a .

A Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos () confirmou que ele está no CRC e que deu entrada no sábado após passar por de Custódia em Várzea Grande. O juiz converteu o flagrante em prisão preventiva. A Sejudh afirmou que ele está detido pelo artigo 215 – Prática de ato libidinoso mediante fraude.

O caso

De acordo com o tio de Michael, o jovem saiu de , onde passava férias com a mãe, por volta das 14h30 do dia 18. Já no dia 19, por volta das 11h00 ele ligou para sua irmã dizendo que havia chegado em Cuiabá. No entanto, depois disso ninguém mais teve notícias do jovem.

No último domingo a família registrou a ocorrência junto à polícia e foi informada de que deveria encaminhar o registro para o Núcleo de Desaparecidos, que só funciona a partir das 13h de hoje.