Anúncios

O secretário municipal de Finanças, Admilson Ferreira dos , também foi baleado durante o assassinato do prefeito de Colniza, Esvandir Antonio Mendes, no fim da tarde da última sexta-feira (16). Os dois estavam em uma caminhonete quando o crime ocorreu. Uma força-tarefa foi montada pela Secretaria de Segurança Pública (Sesp) para tentar encontrar o responsável pelo homicídio e pela tentativa.

Segundo o boletim de ocorrências (BO), o fato teria sido registrado por volta das 18h40, a aproximadamente cinco quilômetros da entrada da cidade. Prefeito e secretário estavam em uma caminhonete, que pertence chefe do Executivo municipal, quando uma caminhonete preta veio na direção deles.

Logo em seguida, o criminoso disparou contra o carro onde estavam Admilson e Esvandir. Dois tiros atingiram o secretário, sendo um na perna esquerda e o outro nas costas. O prefeito não resistiu aos ferimentos e veio a óbito já no perímetro urbano da cidade, na avenida Sete de Setembro.

O secretário foi encaminhado para o Hospital Municipal André Maggi e posteriormente seguiu para outra unidade de saúde, na cidade de . Segundo o que foi apurado , o estado de saúde dele é estável. A bala que atingiu as costas de Admilson ficou alojado no abdômen. Um cirurgião irá avaliar se uma cirurgia será necessária.

Policiais militares e civis da região Noroeste de Mato Grosso atuam na busca dos assassinos do prefeito. Uma equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de também está a caminho do local para auxiliar nas investigações.

O governador , o secretário de Estado de Segurança Pública, Gustavo Garcia, o comandante geral da , coronel PM Marcos Cunha e o delegado geral da , Fernando Vasco, também vão ao município acompanhar as buscas e as investigações.

“O efetivo policial já estava reforçado na cidade em razão da operação final de ano e os policiais já estão fazendo as diligências. Além do efetivo da PM e da Polícia Civil, os setores de inteligência também estão nas buscas pelos criminosos”, informou o secretário de Segurança.