Anúncios
Atendimento após a abertura da – Foto: Varlei Cordova

A Unidade de Terapia Intensiva Infantil (UTI) abriu as portas nessa manhã de segunda-feira (04) em . A unidade estava há 26 dias fechada, pela falta de repasse referente ao Governo do Estado onde os profissionais estavam há quatro meses sem receber salários.

A decisão de reabertura foi tomada após um acordo firmado entre a diretoria da Santa Casa e o governador do Estado Pedro Taques (PSDB) durante uma reunião ocorrida na Prefeitura de Rondonópolis na última sexta-feira (24), juntamente com o prefeito Zé Carlos (SD) e o promotor de Justiça Ari Madeira.

Leitos da UTI pediátrica da – Foto: Varlei Cordova

As duas crianças que estavam internadas na UTI, em uma unidade de terapia neonatal montada exclusivamente para elas dentro da própria Santa Casa, já estrearam os leitos da UTI, outras 8 vagas estão disponíveis, aguardando a seleção feita pela Central de Regulação de Vagas, responsável pelo monitoramento de disponibilidade de vagas nos leitos.

Médica intensivista pediátrica Ana Paula Bellinat – Foto: Varlei Cordova

De acordo com a médica intensiva pediátrica da UTI infantil, Ana Paula Bellinat, a reabertura das unidades é emocionante. “Nós não esperávamos que fossemos chegar a esse ponto de fechar, foi desesperador não saber qual seria o fim das crianças que precisassem dos leitos, mas hoje nós podemos respirar. Foi um momento difícil, ver os colegas pedindo para sair, com vontade de ficar. Mas retornamos a todo vapor e vamos aguardar os novos médicos,” aponta.

Anteriormente a equipe de profissionais que atendiam na UTI era compostas por oito médicos. Apesar da reabertura das UTIs, atualmente as escalas de atendimento estão sendo atendidas apenas por 3 médicos enquanto os cinco ainda serão recontratados.

Ao todo são mais de 25 profissionais que compõe a equipe de enfermagem.

Silvia Reis Coordenadora Técnica na UTI pediátrica – Foto: Varlei Cordova

De acordo com a coordenadora técnica da UTI pediátrica é preciso tempo para dar o atendimento às crianças.”Nós vamos refazer a equipe de enfermagem, e prestar atendimento às crianças, embora os enfermeiros estejam dentro do Hospital, nós vamos reorganizar e voltar a equipe para a UTI e estamos voltando a todo vapor”, discorre.