Anúncios
Milene Falcão Eubank foi resgatada na madrugada deste sábado (18) (Foto: Arquivo Pessoal)

A Polícia Civil resgatou na madrugada deste sábado (18) a empresária Milene Falcão Eubank que foi sequestrada em ao buscar o filho em uma escola particular na sexta-feira (17). De acordo com a Polícia Civil, a vítima foi deixada em uma casa no Bairro Centro América, na capital. Até a publicação desta reportagem, sete pessoas haviam sido presas por envolvimento no sequestro.

De acordo com a Polícia Civil, a empresária foi abordada por dois homens armados enquanto pegava o filho numa escola, no Bairro Quilombo. Ela descia do carro quando foi obrigada a voltar para o veículo. Depois da ação, eles fugiram do local.

A ideia inicial dos assaltantes, segundo a polícia, era roubar o carro. Entretanto, ao perceber que a empresária possuía bens, decidiram sequestrar a vítima. Antes de deixar Milena no cativeiro, os ladrões pegaram o dinheiro, os cartões e as senhas da vítima. Na rua, eles fizeram compras em lojas de bijuteria e distribuidoras de bebidas.

Sete homens e duas mulheres foram presos, segundo a polícia. Parte das prisões ocorreram em um baile funk no Bairro CPA III, em Cuiabá. A identidade dos presos não foi divulgada pela polícia.

Durante a ação de resgate, houve troca de tiros em policial foi baleado na cabeça. Ele passa por cirurgia. Segundo informações, o estado de saúde dele é grave.

O resgate foi realizado em uma ação conjunta da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derrfva), da Polícia Militar e reforço do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).