Anúncios
Rua Cafelândia com Arnaldo Estevão – Foto: Varlei Cordova/AGORAMT

Moradores e comerciantes estão contrariados com um que quer mudar o nome da , do bairro La Salle, em Rondonópolis (MT). Segundo eles, além do desgaste da mudança, vão ter que arcar com gastos na alteração nos registros dos imóveis e .

O projeto de lei foi aprovado pela Câmara Municipal durante sessão parlamentar na quarta-feira (11/10) e os moradores fizeram um protesto nesta terça-feira (31) contra a proposta que é do vereador Orestes Miraglia (SD) e visa alterar a denominação da atual rua Cafelândia que passa na frente da sede do Poder Legislativo, para rua Dr. Elmo dos Santos Bertinetti. A proposta do vereador é fazer uma ao Doutor que morreu em setembro deste ano. Porém cerca de 36 moradores das 15 casas que compõem as cinco quadras da travessa Cafelândia são contra essa mudança.

De acordo com os moradores, o vereador tomou a decisão de mudar o nome sem consultar os comerciantes e bairristas do local.

Placa de sinalização da Rua Cafelândia – Foto: Varlei Cordova/AGORAMT

Segundo o empresário Tarcísio Melo de Souza, 39 anos, que possui um comércio na rua, a mudança poderá prejudicar as vendas. “Ele veio aqui fez uma mudança que ninguém sabia, dizendo estar pensando na homenagem para o Bertinetti, e eu não tenho problema nenhum com o Elmo Bertinetti, mas o Oreste tem que pensar primeiro nos moradores antes de tomar uma decisão como essa, sem nos consultar, como se não tivéssemos nossos direitos e as vendas?”, reclama.

Segundo relato dos moradores, o vereador foi em empresas que estão localizadas na travessa e conseguiu coletar quase 60 assinaturas para alteração do nome, porém, muitas dessas assinaturas são de clientes e comerciantes, mas não de moradores da região.

“Eu moro aqui há 68 anos, pegamos a lista de nomes que ele fez e fomos verificar, a maioria das assinaturas são de pessoas que nem moram no bairro, ou na rua. Porque na minha casa ele não veio, na minha casa ele não bateu, nós temos uma lista verídica, que nos respalda no que estamos falando. Se ele quer lutar por isso, tudo bem, mas desde que ele lute com assinaturas verdadeiras”, aponta Maria Almeida de Oliveira.

O projeto de lei foi aprovado pela Câmara Municipal alterando a denominação da atual rua Cafelândia.Até o final desta matéria, o  tentou contato com o vereador Orestes, mas sem sucesso.