Anúncios
Fiscalização ocorreu nesta sexta-feira (20) no Shopping Popular de (: Polícia Civil/Divulgação)

A polícia apreendeu, nesta sexta-feira (20), 250 produtos falsificados no Shopping Popular de Cuiabá durante fiscalização da Delegacia Especializada do Consumidor (Decon). A ação foi chamada de Pirataria III e fiscalizou dez boxes do estabelecimento. Entre os produtos apreendidos estão bonés, acessórios, carteiras e chinelos. Os funcionários e os proprietários dos locais foram levados até a delegacia para prestarem depoimento.

A fiscalização, segundo a Polícia Civil, ocorreu após uma representação criminal das marcas originais, como Clavin Klein, Levi’s, Rocket e GMS, que se sentiram prejudicadas pelas vendas dos produtos falsificados.

No requerimento, os representantes alegam que os produtos fabricados clandestinamente, causam prejuízos incalculáveis às empresas detentoras de marcas e aos consumidores.

“Trata-se de prática de concorência desleal, trazem prejuízos ao estado e à sociedade dada à evasão de tributos decorrentes da comercialização clandestinas de tais mercadorias”, diz trecho do pedido.

Entre os produtos apreendidos estão camisas, bermudas, cuecas e relógios (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

No boxes fiscalizados, foram apreendidos calças, cuecas, relógios, camisas, bermudas e outros produtos. Os donos dos estabelecimentos e os funcionários serão ouvidos.

Os materiais apreendidos serão encaminhados à Perícia Oficial e Identificação Técnica () e deverão ser confrontados com modelos padrões enviados pelas marcas originais.

Caso seja comprovada a pirataria, os proprietários das lojas devem ser indiciados e responder pelos crimes contra a relação de consumo e crimes de propriedade industrial.