Um advogado foi preso pela Polícia Militar (PM) acusado de se masturbar na frente de várias mulheres nesta segunda-feira (02), na cidade em Tangará da Serra ( 454 km de Rondonópolis).

Conforme informações, uma das vítimas estava varrendo a calçada quando o homem chegou em uma caminhonete prata, desceu, colocou suas partes íntimas para fora e começou a se masturbar. Além desse caso, a PM informou que recebeu diversas denúncias de que um homem estava praticando atos obscenos na frente de mulheres.

O suspeito negou os crimes para a Polícia, mas foi reconhecido pelas vítimas. Ele é de Cuiabá e estava de passagem por Tangará. O indivíduo apresentou a carteira da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Rondônia aos policiais.